Aquecimento global deve aumentar as perdas no campo

12-09-2018

Importantes culturas alimentícias terão uma redução significativa no rendimento no campo. Um estudo publicado na revista Science aponta que, com a elevação das temperaturas, aumentam também as taxas metabólicas de insetos-pragas e seu crescimento populacional.

“As alterações climáticas terão um impacto negativo nas plantações”, afirmou Scott Merrill, da Universidade de Vermont, um dos autores do estudo. “Nós vamos ver o aumento da pressão de insetos-pragas no campo.”

A equipe de pesquisa observou como insetos-pragas de culturas como arroz, milho e trigo responderiam a vários cenários climáticos. Seus resultados mostraram que o aumento das temperaturas globais levaria a um aumento nas perdas de colheitas devido a ataques de pragas, particularmente em áreas temperadas.

O estudo aponta que as perdas deverão crescer de 10% a 25% por grau Celsius de aumento de temperatura. Os pesquisadores explicam que, com o clima mais quente, o metabolismo dos insetos aumenta, que tendem a comer mais.

Em termos de crescimento populacional, a população de insetos cresce melhor em uma temperatura ideal. Se estiver muito frio ou muito quente, o crescimento da população é lento. Assim, as perdas serão maiores em áreas temperadas, mas menos severas nos trópicos.

O estudo completo está disponível para assinantes no site da revista Science.

Fontes: ISAAA e Science